A importância do Inglês para a indústria farmacêutica

Para começar, o Inglês para a indústria farmacêutica é uma ponte linguística essencial na globalização do setor, unindo especialistas em pesquisa, desenvolvimento, produção e controle de qualidade de todo o mundo. 

É o idioma universal para a comunicação de descobertas científicas e avanços médicos. 

Além disso, é como se fosse a receita de um medicamento, cada palavra e expressão corretamente usada garante a eficácia da comunicação e contribui para a saúde global.

Se você tem interesse pelo tema e deseja saber a importância do Inglês para a indústria farmacêutica, continue a leitura deste post, no qual vamos apresentar todos os detalhes. 

Não perca!

Por que é importante aprender inglês para a indústria farmacêutica?

Primeiro, o inglês é fundamental para a indústria farmacêutica devido a sua natureza global.

Como língua franca dos negócios, o inglês é a ponte que conecta farmacêuticos, pesquisadores, profissionais de saúde e pacientes em todo o mundo.

A habilidade em inglês também ajuda na comunicação precisa e eficaz, crucial em um campo que depende de precisão, onde erros de comunicação podem ter consequências sérias. 

O domínio do inglês médico e farmacêutico permite que os profissionais descrevam condições médicas, discutam tratamentos e expliquem instruções de uso de medicamentos de forma clara.

Além disso, a indústria farmacêutica é caracterizada por um ambiente de trabalho internacional e interdepartamental. 

Há uma necessidade constante de relatar informações a colegas, atender a prazos e conduzir negociações, muitas vezes em inglês. 

Por sua vez, aprender inglês também auxilia na compreensão e no cumprimento das regulamentações, diretrizes e leis constantemente atualizadas que orientam essa indústria.

Finalmente, como uma indústria que está sempre se atualizando e inovando, o inglês permite que os profissionais se mantenham a par das mais recentes pesquisas científicas e desenvolvimentos tecnológicos, muitos dos quais são publicados em inglês. 

Vocabulário: uso do inglês para a indústria farmacêutica

Confira abaixo quais são os termos mais usados do inglês para a indústria farmacêutica:

  • Brand product: produto de marca, ou seja, são produtos que não são genéricos e podem ser de inovação (primeira classe) ou não. São protegidos por patentes ou possuem patentes expiradas. São licenciados sob uma Nova Aplicação de Medicamentos (NDA) pela Food and Drug Administration (FDA) dos Estados Unidos.
  • Generic drug: medicamentos genéricos, que são concorrentes de produtos de marca que possuem patentes expiradas. Os genéricos são considerados idênticos ao produto de marca e são licenciados sob uma Aplicação Abreviada de Novos Medicamentos (ANDA) pela FDA.
  • Biologic: medicamento terapêutico ou vacina feita a partir de organismos vivos – humano, animal, levedura ou microorganismos, licenciados sob uma Aplicação de Licença Biológica (BLA) pela FDA.
  • Biosimilar: medicamentos concorrentes ao biológico de primeira classe que tem patentes expiradas. Esses medicamentos ainda não são considerados idênticos ao produto original (devido à natureza da fabricação com produtos vivos), mas são considerados similares.
  • ADI (Accepted Daily Intake): Ingestão Diária Aceitável é a quantidade estimada de um determinado material (por exemplo, aditivo alimentar ou excipiente), expressa em termos de peso corporal, que pode ser ingerida diariamente ao longo da vida sem risco apreciável para a saúde humana.
  • Additive: aditivo, usado tecnicamente em relação a produtos alimentícios, refere-se a substâncias intencionalmente adicionadas aos alimentos, cujo uso resulta em se tornarem componentes ou afetar as características do produto alimentício.
  • GMP (Good Manufacturing Practice): Boas Práticas de Fabricação, o conjunto de padrões que os fabricantes de medicamentos devem seguir durante o processo de produção e controle de qualidade.

Frases de inglês no dia a dia da indústria farmacêutica

A indústria farmacêutica utiliza diversas frases em inglês em sua comunicação diária.

Abaixo estão alguns exemplos de frases comuns que são frequentemente utilizadas nesse setor:

  • Brand products are protected by patents and are licensed under a New Drug Application by the FDA (Produtos de marca são protegidos por patentes e são licenciados sob uma Nova Aplicação de Medicamentos pela FDA.)
  • Generic drugs are considered identical to the brand product and are licensed under an Abbreviated New Drug Application by the FDA (Medicamentos genéricos são considerados idênticos ao produto de marca e são licenciados sob uma Aplicação Abreviada de Novos Medicamentos pela FDA.)
  • Clinical trials are an essential part of the drug development process (Os ensaios clínicos são uma parte essencial do processo de desenvolvimento de medicamentos.)
  • Pharmacy technicians work beneath certified pharmacists and assist with the various activities of compounding, distributing, and dispensing of medications (Os técnicos de farmácia trabalham sob a supervisão de farmacêuticos certificados e auxiliam nas diversas atividades de manipulação, distribuição e dispensação de medicamentos.)
  • The pharmaceutical industry plays a crucial role in developing new medications and vaccines (A indústria farmacêutica desempenha um papel crucial no desenvolvimento de novos medicamentos e vacinas.)
  • John is a leader in the pharmaceutical industry and has strong relationships throughout the international industry (John é um líder na indústria farmacêutica e possui sólidos relacionamentos em todo o setor internacional.)
  • Europe is losing out to the United States in the pharmaceutical industry (A Europa está ficando para trás em relação aos Estados Unidos na indústria farmacêutica.)

ingles-para-industria-farmaceuticaPor que vale a pena fazer curso de inglês para a indústria farmacêutica?

A princípio, fazer um curso de inglês para a indústria farmacêutica vale muito a pena e traz diversos benefícios para os profissionais desse setor tão importante. 

Imagine que o inglês é como o ingrediente chave que potencializa a fórmula do sucesso na carreira farmacêutica!

Ao mesmo tempo, o mercado farmacêutico é altamente competitivo e globalizado. 

Saber se comunicar em inglês abre portas para oportunidades internacionais, colaborações com outras empresas e acesso a pesquisas e estudos inovadores publicados em inglês.

Além disso, muitas publicações científicas relevantes são escritas em inglês, e dominar esse idioma permite aos profissionais acessar informações cruciais para o desenvolvimento de novos medicamentos e terapias.

Outro ponto é a importância das normas internacionais de qualidade e regulamentação no setor farmacêutico, que frequentemente são redigidas em inglês. 

Com um bom conhecimento do idioma, os profissionais podem garantir que suas atividades estejam em conformidade com essas diretrizes.

E para uma pitada de crescimento profissional, saber se comunicar em inglês abre portas para novas posições e progressão na carreira, pois demonstra a capacidade de atuar em um ambiente global e conectado.

Enfim, fazer um curso de inglês específico para a indústria farmacêutica é como um ingrediente especial que pode impulsionar a carreira, trazer sucesso e abrir um mundo de possibilidades. 

Assim como uma fórmula bem-sucedida, o conhecimento do inglês é essencial para brilhar nesse mercado em constante evolução.

Lembre-se, se quiser dominar o mercado farmacêutico, adicione uma colherada de inglês ao seu conhecimento e você estará pronto para alcançar novos patamares em sua carreira!

Por fim, sua dúvida está respondida em nosso texto sobre a importância do Inglês para a indústria farmacêutica? 

Por que você não dá uma olhada no que temos para oferecer?

Fique conosco, você não vai se arrepender.

 

 

Rate this post


Leave a Reply

Open chat
1
Olá, estamos online...